1961- Jornal "O Horizonte" de Barra de São Miguel-PB (Parte 1)

Nosso site volta nesta data ao ano de 1961, especificamente ao período do maior evento de Barra de São Miguel - PB: a festa do padroeiro São Miguel Arcanjo. É neste cenário de alegria, que é lançado o Jornal O Horizonte. Vejamos sua capa:

Jornal O Horizonte - p.1

Como podemos observar, O Horizonte se intitula como um “Órgão de propaganda”, “em benefício da Festa de São Miguel”. Para os redatores, “através deste jornal rendemos homenagem ao nosso Padroeiro São Miguel”.
Observe que, esta foi uma publicação datada de 30 de setembro de 1961, portanto, antes da emancipação política do Município, que seria em 14 de dezembro do mesmo ano e, pouco tempo depois que o Distrito voltou a sua antiga nomenclatura: Barra de São Miguel (ex-Potira - Lei estadual de 17 de junho de 1961). Assim, não é de estranhar a homenagem inicial “A mulher potirense”, feita na abertura do jornal: Vejamos:

“Filha dos rincões sertanejos, é pura e simples. Tipo autêntico de mulher cujo coração parece acompanhar o ritmo das canções maviosas que ecoam nas quebradas das serras da indescritível natureza brasileira, ela é símbolo, vivo de graça e formosura – A MULHER POTIRENSE”.

Após esta bela descrição da figura feminina “potirense”, o jornal segue com frases ou flagrantes românticos de certos moradores locais, o que certamente despertaria momentos descontraídos entre os leitores.
Finalizando a página, temos uma das pistas mais importantes do jornal sobre a Barra de São Miguel da época: o destaque para o comércio e os comerciantes locais, o que pode nos mostrar um pouco das opções cotidianas que os moradores tinham para suas compras e lazeres. Aqui é destacado a “Mercearia São José de José Miguel – a que atende com satisfação os seus fregueses”.

A seguir, vejamos a página 2:

Jornal O Horizonte - p.2
O ano de 1961 foi especial para os moradores de Barra de São Miguel-PB. Toda uma geração que cresceu assistindo as disputas políticas atreladas ao município de Cabaceiras, via uma realidade próxima: a emancipação política. Isto fica exposto nesta segunda página do Jornal O Horizonte



"ALERTA

Já com a nossa pujança, de homem fortes, fomos submetidos a enormes provas de resistência e nenhuma fracassamos.

Dos nossos antepassados ouvimos contar os meios com os quais venceram os obstáculos sem nenhuma assistência, só com a Providência Divina, da qual jamais será apagada em nosso meio.

Hoje já afirmamos uma outra reivindicação que é a nossa emancipação política.

Portanto alerta povo, aproveitemos a boa vontade dos homens do puder, e avante, tornando Barra de São Miguel, em município."

Após este chamado político às autoridades em nome da emancipação de Barra de São Miguel, o jornal segue com mais aventuras amorosas, desta feita com os conhecidos Humberto Pedrosa e o Dr. Hélio Corrêa. 

Por fim, destacamos mais uma vez o quadro do comércio local, traçado pelo jornal. Vejamos as possibilidades de compras:
Panificadora e Mercearia S. Miguel de João Pinto da Silva – Estivas em Geral


Mercearia Procópio de José Procópio Irmão – vendas em grosso e a varejo


Casa das Louças de Cecí Porto


Para a melhor aquisição de sua receita, procure a Farmácia Pedrosa de Pedrinho Pedrosa

A única propaganda que não é de um estabelecimento da cidade é a Gráfica São Jorge, de Campina Grande, o que conjecturamos ser a responsável pela impressão deste jornal.

Em breve, postaremos as páginas seguintes desta edição do O Horizonte.

Porém, antes de encerramos, ainda restam algumas questões: quem foram os redatores do jornal? Houve outras edições? Como este impresso foi recebido pela comunidade local? Estas e outras questões ainda carecem de mais pesquisas. 


João Paulo França, 13 de março de 2017.


Fonte:

O HORIZONTE. 30 de setembro de 1961, ano 1, número 1. pp. 1-2.
PARAÍBA. Assembleia Legislativa. Disponível em: http://www.al.pb.leg.br/leis-estaduais. Acesso em 14 de março de 2017