2010 - À minha amiga: Um breve relato sobre nós

Nesta data nosso site apresenta um comovente filme Curta-metragem do premiado diretor barrense André da Costa Pinto. "À Minha Amiga: Um Breve Relato Sobre Nós" é o título desta obra que trata da amizade entre a Sra. Carminha Costa e a Sra. Inacinha Cabral. Segue imagem do filme, sinopse e em seguida o link para assistir a obra.
Imagem 1 - Sras. Carminha e Inacinha


Sinopse: À Minha Amiga: Um Breve Relato Sobre Nós

Gênero: Documentário
Diretor: André Da Costa Pinto
Duração: 10 min     Ano: 2010     Formato: Mini-DV
País: Brasil     Local de Produção: PB
Cor: Colorido
Sinopse: 60 anos de amizade e muitas histórias pra contar. Até onde uma recordação pode levar o ser humano? 

Ficha Técnica
Co-produção: André Da Costa Pinto
Fotografia: André Da Costa Pinto
Roteiro: André Da Costa Pinto
Montagem: André Da Costa Pinto

A seguir, assista ao curta-metragem:


Para finalizar, vejamos um recorte do Jornal da Paraíba, de 31 de março de 2010, que retrata um dos momentos de exibição do curta.


João Paulo França, 30 de agosto de 2017, atualizado em 04 de setembro de 2017.

Fonte:

Jornal da Paraíba, 31 de março de 2010.
https://www.youtube.com/watch?v=GOswfu6b-UI
http://portacurtas.org.br/filme/?name=a_minha_amiga_um_breve_relato_sobre_nos

Assembleia de Deus: Igreja evangélica pioneira de Barra de São Miguel-PB (Parte 1)

A história de Barra de São Miguel é muito atrelada a questão religiosa. O cristianismo é um dos pilares da sociedade local e ao longo dos anos surge no meio dos fiéis uma nova forma de expressão espiritual: os "evangélicos".  Neste segmento a Assembleia de Deus foi a congregação pioneira na cidade.
Sobre a origem da Assembleia de Deus de Barra de São Miguel, ainda estamos em busca de informações e fontes mais precisas, que nos auxiliem a traçar seu desenvolvimento, desde a reunião inicial até os dias atuais.
A seguir, vejamos uma imagem emblemática:

Imagem 1 - Inauguração da Assembleia de Deus
O templo próprio inicial da Assembleia de Deus em Barra de São Miguel foi inaugurado em 16 de setembro de 1990 e sua frente era voltada para a direção sul, na Rua Tenente Pedrosa. Na imagem 1 vemos este momento que contou com a presença de autoridades políticas, à esquerda, com o Prefeito do Município à época, o Sr. Pedro Pinto, além do Sr. João Cabral. Também estão na imagem autoridades religiosas, como o primeiro à direita, o Pastor Antônio. A seguir, observemos um registro que existe na própria igreja:

Imagem 2 - Registro em Bíblia da Igreja A. de Deus
É importante destacar que a igreja tem sua construção finalizada nos anos anteriores (provavelmente em fins da década de 1970). A imagem 1 e esta data de 16 de setembro de 1990 têm o significado de "inauguração oficial", com direito a corte de fita, presença de autoridades e com registro na página que vemos na imagem 2, todavia, a igreja em si já estava em funcionamento e servindo aos fiéis, como já mencionado.

Ao lado, vemos a imagem 2, que trata de um importante registro em uma Bíblia doada à Assembleia de Deus.
Vejamos o que está escrito:

Inauguração do Templo 16 - 09 - 90

Obreiros que se fizeram presentes, assinam abaixo (...)

Na mesma folha também se lê:

No dia 11 de abril do ano 1990 tomou posse o irmão presbitero Antonio Florentino da Silva Filho como pastor dirigente desta igreja em Barra de São Miguel PB e sua esposa a irmã Hilda Florentino da Silva tomou posse como dirigente do circulo de oração da igreja em Barra de São Miguel PB 11 de abril de 1990.
Despedida em 07 de agosto de 1991.

Atrás deste livro há também a seguinte dedicatória:

Imagem 3 - Página de Bíblia da Assembleia de Deus
Neste recorte da imagem 3 é possível lermos:

Doação do Evangelista Paulo Nascimento.
Recife, 16 de setembro de 1990
Pertence a igreja em Barra de São Miguel - PB

Este é um importante registro escrito datado, que nos apresenta pistas do passado da Assembleia em Barra de São Miguel.
Para finalizarmos, vejamos uma imagem do templo local, relativa ao ano de 2016, com sua frente já voltada para o poente, na Rua Francisco Pinto.

Imagem 4 - Assembleia de Deus de Barra de S. Miguel - PB
Prosseguimos nossas pesquisas com a intenção de conhecermos mais um pouco da trajetória histórica da Assembleia de Deus barrense, afinal, muito ainda temos por conhecer de seu passado. Que pastores passaram por esta igreja? Quem foram seus pioneiros? Como e onde eram os primeiros cultos? Enfim, uma série de perguntas ainda clamam por respostas históricas.

Tem imagens ou informações? Compartilhe conosco: joaopaulo_franca@yahoo.com.br

João Paulo França, 23 de agosto de 2017.


Fonte:

Acervo do Pastor Samuel
Sérgio Falcetti. Site: http://viajandotodoobrasil.com.br/  . Acesso em 05 de fevereiro de 2017

1978 - O América de Barra de São Miguel - PB

O esporte amador de Barra de São Miguel - PB sempre trouxe grande empolgação para a população local e envolveu a juventude. Neste cenário, na década de 1970,  o principal clássico da cidade era entre os quadros do Bangu Atlético Clube e o América. Todavia, quando os jogos eram contra agremiações de outras cidades, a união prevalecia.
A seguir, vejamos uma formação do alviverde, o América, que remonta ao ano de 1978:

Imagem 1 - América de Barra de São Miguel
Segundo Jeová Pinto, Vavá, na fotografia 1, estão presentes:
Em pé: Zé de Rosendo, Préa (Goleiro), Miguel Arcanjo, Paulo de Otacílio, Vavá, Chico de Lú, Adailton (Dau) e Damião de Zé Miguel.
Agachados: Dedé Apolônio, Baêta, Changa, Zé de Bibi, Tarugo e Silvio.

Esta fotografia seria do ano de 1978 e foi captada no Distrito de Gravatá de Ibiapina, pertencente a Taquaritinga do Norte - PE.

Como podemos observar pela formação da equipe, quando a partida era contra equipes de fora de Barra de São Miguel, as rivalidades eram postas um pouco de lado e jogadores dos diferentes times amadores da cidade vestiam a mesma camisa, reforçando assim o esquadrão que estivesse representando o município.

João Paulo França, 19 de agosto de 2017

Fonte:

Arquivo e informações de Jeová Pinto (Vavá)

2008 - Amanda & Monick

Depois de participar do concurso "Revelando os Brasis", onde produziu o curta "A Encomenda do Bicho Medonho”, lançado em 2006 (que pode ser acessado aqui), em 2008 o cineasta paraibano, filho de Barra de São Miguel, André da Costa Pinto, lançou o premiado curta-metragem "Amanda & Monick".
Nesta data nosso portal de memórias trás esta história:

Cartaz do Curta Amanda & Monick

Segue a Ficha Técnica:

Título Amanda e Monick (Original)
Ano produção 2008
Dirigido por André da Costa Pinto
Estreia
2008 ( Brasil )
Duração 20 minutos
Classificação
Gênero
Documentário Drama


Sinopse

Duas travestis vivem realidades diferentes. Amanda é professora de história; com olhar confiante, conquistou o respeito dos alunos. A base dessa auto-afirmação está no pai, que sempre deu apoio irrestrito. Monick aparenta ter uma realidade familiar diferente: assumida desde os 17 anos, trabalha como prostituta em Santa Cruz do Capibaribe (Pernambuco). É na sala de aula que a trajetória de professora e aluna se cruzam. Por detalhes de criação e convivência social, histórias parecidas podem tomar rumos diferentes.

O filme pode ser acessado via youtube no link a seguir:


Este curta foi bastante elogiado e obteve grande repercussão nacional. A seguir, apresentamos alguns links onde o leitor pode encontrar mais detalhes da recepção da obra:




Revista do Cinema Brasileiro - COLUNISTA CONVIDADO - André da Costa Pinto



João Paulo França, 14 de agosto de 2017.
 

Fonte:

https://filmow.com/amanda-e-monick-t19159/ficha-tecnica/
http://projetocinestesico.blogspot.com.br/2008/07/
https://www.youtube.com/watch?v=LqzEAai25cE

A Festa do Barra Bode - Galeria de Cartazes

Entrando no clima do Barra Bode, nosso site volta hoje sua atenção para este evento, criado em 2009 e que neste ano de 2017, chega a sua 9ª Edição. Seguindo exemplo de celebrações semelhantes na região do Cariri paraibano, como a Festa do Bode Rei de Cabaceiras, que é realizada desde 1998, o Barra Bode procura aliar incentivo a economia e cultura local.
Idealizado e realizado pela Sra. Luzinectt Teixeira Lopes, prefeita do Município de Barra de São Miguel no período de 2009 a 2016, a festa cresceu em número de participantes e organização ao longo do tempo e isto pode ser observado por meio dos cartazes de divulgação do evento, que recuperamos nesta matéria.
Para iniciar, vejamos o cartaz da 1ª Festa do Barra Bode, realizada nos dias 18, 19 e 20 de Setembro:

Barra Bode 2009

Como podemos observar, a primeira Festa do Barra Bode foi realizada no contexto da tradicional Festa de São Miguel, sendo sua estrutura montada no fim de semana que antecedeu a maior festa do município. Nos anos seguintes, o Barra Bode acabou se tornando um evento a parte no calendário municipal, sendo celebrado no mês de agosto.
Infelizmente, não encontramos o cartaz do 2º ano do Barra Bode, em 2010. Neste, a festa foi realizada entre os dias 13, 14 e 15 de agosto de 2010.
A seguir, cartaz do evento no ano de 2011:

Barra Bode 2011
Destaque-se que neste ano de 2011 Barra de São Miguel celebrou 50 anos de emancipação política e este tema se fez presente nos diversos eventos do município, a exemplo do Barra Bode. Neste ano a festa foi celebrada entre os dias 12, 13 e 14 de agosto.
A seguir, vejamos o cartaz do ano de 2012:

Barra Bode 2012
Em 2012 o Nordeste celebrou o centenário de Luiz Gonzaga e este acabou sendo o tema principal do Barra Bode. Observe-se que o evento passou para a última semana do mês de agosto, sendo celebrado nos dias 24, 25 e 26. 
Observe o cartaz do Barra Bode 2013:

Barra Bode 2013
No ano de 2013, o Barra Bode foi realizado entre os dias 23, 24 e 25 de agosto. Deste ano destacamos um vídeo promocional da Prefeitura barrense que acaba por nos dar uma bela impressão da forma como o evento é realizado.
Vejamos o cartaz do evento no ano de 2014:

Barra Bode 2014
Realizado nos dias 22, 23 e 24 de agosto de 2014, o Barra Bode chegou a sua 6ª Edição se consolidando como um evento importante na região.
A seguir, cartaz do evento no ano de 2015:

Barra Bode 2015
Em 2015, o Barra Bode foi realizado nos dias 21, 22 e 23 de agosto. Observa-se que o evento mantêm sua marca com a realização de cavalgada, trilha de motos e maratonas de show de forró pé-de-serra nos domingos, encerrando a festa.
Observemos o cartaz no ano de 2016:

Barra Bode 2016

Realizado entre os dias 26, 27 e 28 agosto de 2016, o destaque que fazemos para esta edição é a premiação total de 15.000,00 reais para os produtores campeões nas diferentes modalidades de análise de animais da exposição.
Por fim, chegamos a este ano de 2017:

Barra Bode 2017
Neste ano de 2017 o evento volta a ser realizado no início do mês de agosto, nos dias 11, 12 e 13. Destacamos ainda a sua consolidação enquanto tradição no município. Lembramos sempre que em algum momento histórico as nossas tradições são criadas, seja, por exemplo, as novenas marianas, a Festa de São Miguel, a procissão do Menino Deus, enfim, tradições que congregam os habitantes locais e a região.
Como nos ensina HOBSBAWM: "Por “tradição inventada” entende-se um conjunto de práticas, normalmente reguladas por regras tácita ou abertamente aceitas; tais práticas, de natureza ritual ou simbólica, visam inculcar certos valores e normas de comportamento através da repetição, o que implica, automaticamente; uma continuidade em relação ao passado. Aliás, sempre que possível, tenta-se estabelecer continuidade com um passado histórico apropriado".

Desta forma, o Barra Bode até o momento se insere neste contexto de evento realizado ano após ano, que de certo modo procuram dar continuidade as tradições barrenses, sejam nos aspectos econômicos, sejam nos aspectos culturais.  


João Paulo França, 07 de agosto de 2017.

Fonte:

Eric Hobsbawm & Terence Ranger (orgs.). A invenção das tradições – Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1984. Págs. 9-23. Disponível em: http://www.janduarte.com.br/textos/teoria/invencao_tradicoes.pdf. Acesso em 07/08/2017.

Barra Bode 2010. https://www.clickpb.com.br/cultura/caprino-ovinocultura-em-destaque-na-festa-do-barra-bode-90555.html 

Barra Bode 2017. http://barrabode.com.br/index.html.

O Portal de Memórias de Barra de São Miguel na Reunião do IHGCP - Instituto Histórico e Geográfico do Cariri Paraibano.

Neste sábado, dia 05 de agosto de 2017, nosso Portal de Memórias se fez presente na Reunião Ordinária do Instituto Histórico e Geográfico do Cariri Paraibano - IHGCP - realizada no Distrito de Ribeira, Município de Cabaceiras - PB. 
Em clima festivo e reflexivo uma grande programação foi celebrada ao longo da manhã e início de tarde. Na oportunidade, recebemos das mãos do professor Carlos José Duarte Pereira o Diploma de Sócio Honorário do referido IHGCP, junto com diversos companheiros do cariri paraibano.

Imagem 1 - Rede Social  da P.M.C*
As atividades iniciaram com a missa em ação de graças, celebrada na Igreja de São Paulo do Distrito de Ribeira. O presidente da eucaristia foi o Pe. João Jorge Rietveld, pároco cabaceirense. Após café da manhã na Escola Estadual Clóvis Pedrosa, os presentes se dirigiram para o Centro Social José Macedo, no compasso da Filarmônica Nossa Senhora da Conceição.

Imagem 2 - Montagem a partir de Rede Social da P. M.C.
Em um ambiente de expectativa e atenção, a pauta da reunião ordinária do Instituto Histórico e Geográfico Paraibano foi seguida, sob o comando do presidente Daniel Duarte. Entre as atividades e falas apresentadas, destacamos a homenagem ao cabaceirense Antônio Juarez Farias, cujas diversas funções e trabalhos podem ser conhecidos aqui. Entre as quais, destacamos que o mesmo foi Vice-Governador do Estado da Paraíba, com exercício do Governo por diversas vezes - julho 1970 / março 1971. Atualmente, aposentado, o mesmo faz parte da Academia Paraibana de Letras. Sua apresentação foi realizada pelo membro do IHGCP, Paulinho de Cabaceiras. 
Também foi significativa a exibição da pesquisa que vem sendo realizada pelo membro do IHGCP, o Pe. João Jorge Rietveld. Residente no Cariri há cerca de 31 anos, o mesmo vem se debruçando sobre os passos do Padre Ibiapina (1806 -1883), mostrando sua obra na região, em especial, Cabaceiras.

Imagem 3 - Montagem a partir de Rede Social da P. M.C.
Por fim, após a apresentação de algumas obras escritas por caririzeiros  ou autores que estudam a referida região, foram concedidos Diplomas de Sócios Honorários do IHGCP, entre os quais destacamos professores, músicos, agentes culturais e pessoas que atuam no cariri paraibano, como o nosso colaborador Ginaldo Nóbrega, Paulo Rogério, Filomena Neves de Macêdo, Laudemiro Lopes de Figueiredo Filho, Luiz Carlos, Chico Cabaceiras e demais amigos e amigas pesquisadores locais.

Imagem 4 - Montagem a partir de Rede Social da P. M.C.
Registramos e agradecemos o convite e a recepção dos cabaceirenses, em especial, o Secretário Municipal de Educação, o amigo professor Paulo Rogério. Esperamos a cada dia fortalecer nossa rede de estudos e colaboradores que se debruçam sobre a história e geografia do cariri paraibano.


João Paulo França, 05 de agosto de 2017.

Fonte:

Imagens de Rede Social da PMC - Prefeitura Municipal de Cabaceiras, acesso em 05/08/2017.
Informações da Academia Paraibana de Letras. Disponível em: http://www.aplpb.com.br/index.php?option=com_k2&view=item&id=99:ant%C3%B4nio-juarez-farias. 


 * PMC - Prefeitura Municipal de Cabaceiras